SOBRE NÓS


CONHEÇA-NOS UM POUCO MELHOR

T eresa Silva Tavares, advogada inscrita na Ordem dos Advogados desde outubro de 1996.

Associada da sociedade de advogados Rogério Alves & Associados, em Lisboa, integrada na área de contencioso e arbitragem, trabalhando no ramo de Direito da Família e Sucessões.

Tem um percurso profissional, nos últimos anos, com enfoque na área de Direito da Família e Sucessões, no quadro nacional e internacional, com inúmeras intervenções em processos, como sejam divórcios, regulações das responsabilidades parentais, testamentos, interdições, inabilitações, convenções antenupciais, partilhas, alterações das responsabilidades parentais, incumprimentos de pagamento de pensões de alimentos, suspensões e inibições das responsabilidades parentais, mudança de residência de menores para o estrangeiro, raptos internacionais, etc.

A prática permitiu-lhe perceber que, na intervenção como advogada, para além da abordagem jurídica, existe uma componente humana muito importante, pelas consequências, que tem, na vida das pessoas e no seu quotidiano familiar.

Da internacionalização das relações e das deslocações, nasceu a necessidade de alargar o Direito da Família e das Sucessões a esta nova realidade transfronteiriça.

No plano internacional, Teresa Silva Tavares integra a lista de advogados, disponibilizada por várias associações, como sejam a Reunite International Child Abduction Centre e a International Mediation Center for Family Conflict and Child Abduction (MIKK International Lawyers List Specialized in Cross-border Family Cases).

S ofia Vaz Pardal, advogada inscrita na Ordem dos Advogados desde fevereiro de 2005.

Associada da sociedade de advogados Rogério Alves & Associados, em Lisboa, integrada na área de contencioso e arbitragem, trabalhando no ramo de Direito da Família e Sucessões.

Nos últimos anos, teve intervenção direta em processos como divórcios, ações de impugnação de paternidade e de investigação de paternidade, processos de atribuição da casa de morada de família, procedimentos cautelares de arrolamento de bens comuns, ações para reconhecimento de sentenças de divórcio proferidas no estrangeiro, processos de promoção e proteção de menores, inventários, seja por divórcio, seja por óbito, rapto internacional de menores etc.

Da prática diária, resultou-lhe que o Direito da Família e das Sucessões é uma área muito abrangente, na qual está sempre presente, como denominador comum, a vida das pessoas, pelo que o fator humano tem uma enorme preponderância, fazendo com que, as soluções jurídicas que se encontram tenham, necessariamente, que ter em consideração o facto de que que irão influenciar várias vidas, a vários níveis.

Atualmente, o Direito da Família e das Sucessões tem uma vertente internacional, cada vez mais acentuada, o que faz com que, frequentemente, surjam processos com conexões internacionais, resultando a necessidade de estabelecer contactos transfronteiriços.

No plano internacional, Sofia Vaz Pardal, integra a lista de advogados, disponibilizada por várias associações, como sejam a Reunite International Child Abduction Centre e a International Mediation Center for Family Conflict and Child Abduction (MIKK International Lawyers List Specialized in Cross-border Family Cases).